Agilidade é governança somada à técnica. As empresas não são ágeis

Experiência. Um programador é contratado pela sua experiência.

Experiência em desenvolvimento de sistemas eu divido em 2, a experiência em um domínio e a experiência técnica, ambas importantes e passíveis de serem construídas com o tempo.

A experiência técnica tem características mais objetivas, é materializada na aplicação de um recurso X para resolver um problema quando existia a opção de x, e y, e Z.

Experiência técnica é objetiva e decisiva.

As empresas procuram profissionas técnicos no mercado. Programadores especializados no framework W ou K, elas procuram a base para desenvolvimento rápido, pessoas que saberão como se adequar a seu stack de software e rapidamente produzir resultados, mitigando o tempo de compreensão.

Eles já compreendem. Eles já produzem. Eles conhecem o framework e os conceitos técnicos.

As empresas não procuram por profissionais de domínio, um programador com experiência no domínio X é visto como um programador que vem com o bônus de conhecer o domínio X.

Domínio parece não ser importante.

Programadores com conhecimento do domínio não são imprescindíveis, eles dizem. Alguém da equipe vai passar para ele o que precisa saber, eles dizem. É fácil de entender, eles dizem.

As empresas pensam que isso é se tornar ágil.

Rapidez e agilidade são conceitos próximos mas não são sinônimos.

O flash é rápido ou ágil? Rápido é atingir a velocidade da luz, ágil é desviar de uma dupla de vidreiros que surgiu de surpresa atravessando a avenida a menos de 10 metros.

Agilidade é governança somada à técnica. As empresas não são ágeis.

Elas podem ser, depende do conhecimento de domínio que a sua equipe técnica tem .

Workshops, integração com o time de negócios, passe livre para transitar entre as áreas, tudo isso feito de verdade e não para ocupar o tempo. Tudo isso traz agilidade por que agilidade tem a ver com comunicação e reflexo.

Os Marines são ágeis.

Eles são ágeis por que tornam a comunicação e a ação correta parte do seu comportamento padrão. São ágeis por que o corpo e a mente foram condicionados para dar a resposta certa de maneira natural.

Então os Marines vão para uma missão podendo focar no que está do lado de fora por que ao perceber as características de uma situação, a resposta certa é acionada.

A resposta certa dentro de um time só é natural quando existe um time.

A maioria das empresas não têm tempo para ter um time. A maioria das empresas têm bons jogadores.

A maioria das empresas tenta se tornar o dream team. A maioria das empresas deveria querer ser como o Miracle on Ice, ou aquele time de basquete brasileiro de 1987 que ganhou dos eua, ou uma dessas vitórias onde o ganhador é o time, não o indivíduo. Sim, eu valorizo o indivíduo, mais ainda quando ele esta num time.

O RH não recruta times, recruta indivíduos.

O RH ainda é de fábrica, achando que cuida de uma relação homem x maquina. O RH está mudando.

Há esperança para a agilidade.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s