Fraude em e-commerce – Colete Informação

Armazene dados sobre as transações que ocorrerem. Que dados? Todos que puder.

Creio que podemos dividir os dados disponíveis em um acesso de cliente em dados de comportamento e dados de compra.

Alguns Dados de compra:

  • Quem Entrou na loja?
  • Onde esta?
  • Que itens comprou?
  • Onde mandou entregar?
  • Como pagou?

Essa é a identidade de uma transação. Uma base mínima necessária para realizar uma transação em uma loja. Ela pode ser extendida e incorporar novos atributos ainda relacionados a transação como “Que cupom utilizou?”, “Que promoção trouxe o cliente até a loja?”, “Quantas tentativas de fechar o carrinho falharam?” e outras.

Os outros dados são dados de comportamento. São relacionados ao como foi feita a compra.

  • De Onde veio?
  • que produtos olhou?
  • Quanto tempo demorou para fazer a compra?
  • Já era cliente?

E novamente, esse conjunto de dados pode ser expandido e enriquecido com mais informações sobre o comportamento.

No fechamento da compra esse conjunto de dados permite uma análise com o objetivo de informar se existe uma fraude ou não e depois devem podem seguir um caminho nobre ao serem anonimizados e armazenados para uso em outras análises de anti-fraude.

Coletar dados não é parte somente do processo de gerar a venda. Coletar dados é ainda mais importante para garantir a qualidade da venda.

Advertisements

One thought on “Fraude em e-commerce – Colete Informação

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s