97 Coisas que Todo Arquiteto de Software precisaria saber

97 Things Every Software Architect Should Know

97 Things Every Software Architect Should Know ( Preço: $17.39 )

Este livro é interessante por que ele te repete coisas sobre as quais você já refletiu se já pensou em ser arquiteto de qualquer coisa, principalmente de software.

Uma lista de bons conselhos que começa com “Não coloque seu curriculo na frente dos requisitos de software” e termina com “Grandes Software não são construidos, são cultivados“.

O editor se deu o trabalho de colocar as coisas em uma ordem crescente de importância e, eu tenho que te dizer uma coisa… acho essa última regra a mais importante mesmo, afinal, é difícil explicar para as pessoas que um software não é um agregado de código que uma vez criado vai resolver um problema e depois só vai agregar mais código para resolver mais problemas.

Software é coisa viva, quase biológica… quase darwiniana mesmo. Para adicionar um olho, precisa da cavidade do olho, da proteção contra interpéries, do orgão interpretador das mensagens recebidas e de algo para fazer essa mensagem chegar a quem tem a função de entender. E entender então… um problema a parte e intrinsico da idéia do olho(to viajando um pouco, pode né? )

Enfim, esse livro é o livro de auto-ajuda mais legal que já li. Ele te fala um monte de coisa que você já sabe (ou pensa que sabe), mas precisa de alguém para te repetir para poder ter certeza.

O segundo capítulo, por exemplo, olha só o que diz já no título “Simplifique a complexidade essencial; Reduza a complexidade acidental“.

Tenho certeza de que já refletiu sobre o fato de trazer para o seu projeto funcionalidades já implementadas em frameworks especializados nelas. Ago como usar um framework de restfull ao invés de implementar o suporte.

E se você já refletiu sobre isso chegou a conclusão de que isso é o ideal mesmo. Te permite focar no problema principal, relacionado ao Core Business ao invés de ficar melhorando e melhorando códigos de suporte ao Core Business.

Outra coisa legal deste livro é que todo capítulo/conselho se inicia com um profissional de exemplo. Quer o exemplo pinte um quadro bom, quer ruim, lá esta o exemplar da raça humana para personificar e você poder ter um nome em mente. O que torna mais facil a tarefa de dizer “Ops… eu já fiz isso” ou “Yesss… eu já fiz isso

Eu recomendo como leitura de metro ( e isso não é algo pejorativo para quem lê todos os dias no metro). Não sei que tamanho ele teria se fosse em papel, mas fica bem leve no Kindle.

E volto a dizer. É o melhor livro de auto-ajuda que já li.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s