Relato da Php Conference Brasil 2008

O evento deste ano teve uma qualidade superior ao do ano passado, como já era de se esperar, já que ele vem realmente melhorando a cada ano. Houveram mais pessoas, mais stands, mais interesse empresarial e a qualidade das palestras teve uma melhora representativa.

Além de encontrar o pessoal (Elfo, o Dohms, o Duocrado, o publico e toscano,…) e conversar sobre os últimos acontecimentos mais importantes do mundo como lançamento da segunda temporada de big bang theory, Ruby Rails que não escala, Microsoft investindo pesado em php, outra coisa que e legal de fazer na conferência é palestrar, pois foi o que fizemos(alias, foi quase unicamente o que fiz já que tive de sair correndo para ir a um casamento[ 😉 ] ).

Sobre a infra estrutura, estava muito boa, somente com aquela observação recorrente com relação a UNIFIEO, de que uma sala é aqui no brasil e outra lá na distante Xangai.

Petiscos, cafés e sucos a vontade para os congressistas.

Na area principal do evento havia um grande elefante inflável dando o clima, varios stands de empresas(que espero, passem a ver cada vez mais o php como foco de investimento promissor) e bem na porta o já famoso stand da livraria tempo Real(onde deixo todo mês uma parte de meus proventos 😉 ).

Teve apresentação de cheerleaders mas eu não assisti, estava em casa, descançando(ia trabalhar no domingo), mas quem viu disse que durante a apresentação nenhum dos presentes conseguiu enxergar mais nada(houve até uma invasão alienígena durante esse momento, na qual os seres de alta inteligência deixaram uma faixa[rapidamente retirada para nao magoar ninguem] que dizia que na terra temos linguagens de programacao que nao escalam e que deveriamos tomar cuidado com ela e os modismos, mas ninguém viu nada).

A Oracle veio representada por um pessoal animado e comunicativo cuja recepção me surpreendeu, mas procurei falar pouco, deixando a missão de comunicação para o Sr. Dohms que tem assumido o papel de tradutor oficial, afinal, tá mandando bem no inglês(eita inveja XD).

Enfim, sobrou falar das palestras, entãããããooOO, vamos a elas …

Primeira palestras:SPL – Simples Porém Legal

Título bem pequeno para uma palestra bem extensa, quase 60 slides(falar slide é coisa de velho mesmo? ou eu tô viajando?!) dos quais eu, by my self, crie somente uns 6, no máximo, o resto foi feito valentemente pelo pequeno ser élfico(qq dia eu explico pq elfo) Augusto Pascutti.

Combinamos que apresentaríamos juntos, tentando fazer um slide cada um, mas na hora lá rolou mais ele falando e eu fazendo os comentários técnicos, tipo Galvão Bueno e o cara que fala de arbitragem. Ele falava que SPL significava standart php library e eu dizia algo como “A regra é clara…”, enfim, a palestra rolou muito bem e fizemos um trabalho legal juntos(eu acho) e acho que essa parceria(de trabalho e pinga) vai render outras palestras.

Nós trabalhamos para conseguir apresentar a todos a idéia de que SPL vai ajudar muito nos projetos e que ela não precisa ser vista como um bicho de sete cabeças e que falar sobre ela pode ser uma coisa tranquila, acessível, e que, também, uma palestra de SPL pode durar mais de 15 minutos.

A parte que me coube explicar com mais detalhes foi a parte de código que escrevi. A sobrecarga dos métodos de acesso a array usando ArrayAccess, um recurso que acho muito interessante e que pode facilitar a vida daqueles que vêem no array a melhor forma de manipular dados.

obs.: Nessa palestra não foram feridos nenhum programador daquele framework que todo mundo sabe que não escala.

Segunda Palestra: Redes Neurais Artificiais com php e Fann

Essa palestra falou sobre RNA usando o binding da Fann(Fast artificial neural network) para php e imagino que tenha sido legal, afinal, teve bastante gente que me aturou ate o final da apresentação.

O que eu queria com essa palestra era principalmente mostrar para o pessoal do php que é possível sim, sair do domínio de aplicações web que simplesmente conectam no banco e apresentam resultados formatados em tela com um algum grau de inteligência(esse procedimento é o campeão de vendas), aliás, que é possível escrever código que tenha um algo mais.

É público que sempre peguei no pé dos outros programadores com relação ao conhecimento de algorítmos básicos de pesquisa e outros(não que eu seja expert neles). Acho que sempre fiz um papel meio que do chato, quando dizia que framework não é tudo e que conhecer como o código se processa nos bastidores era importante e que para isso era necessário mais que saber conectar ao banco de dados, executar selects e apresentar resultados formatados.

Não digo com isso que todo programador php tenha esse perfil, mas digo que uma parte dos programadores web o têm, pois é isso que o mercado requer, é o que pede na maioria das vezes e logo, se torna aquilo que as pessoas estudam para entrar no mercado pois viver de luz nao é uma atividade para humanos, a nao ser que tenham evoluído para formas verdes clorofilizadas com raízes aéreas capazes de apanhar os nutrientes e os ingredientes químicos necessários para a fotosíntese.

Fui lá e falei, durante uma hora e meia do pouco que sei sobre, a)Redes neurais Artificiais; b)Fann.

Eu tinha reservado os últimos 10 minutos ao menos para que trabalhassemos criando alguma rede neural para analisar dados que seriam gerados por perguntas ao pessoal que la estava e cujo objetivo seria definido lá mesmo, mas no fim, não houve tempo para o exercício real, mas treinamos uma RNA capaz de identificar quão crianca,jovem,adulto eh uma pessoa e executamos ela para ver os resultados, como exemplo.

Algumas fotos você pode Conferir na Galeria do Flickr do Silicio/Publico em http://www.flickr.com/photos/silici0/

Grande abraco e ate a proxima.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s